As correntes continuam em alta, mas para 2022 elas vêm de cara nova. Seja em resina ou metal os formatos devem variar. Então, que tal criar suas próprias correntes?

Você conhece a técnica chainmaille?

Com argolinhas em diversas medidas você consegue criar modelos únicos. No começo parece complexo, mas depois vira vício. Dá para acrescentar cristais e contas diversas.

O ideal é criar com as argolas sem banho, usando alicates de qualidade para não marcar o metal. Se quiser misturar banhos, aí deve usar as argolas já banhadas.

Procure no You Tube e achará centenas de tutoriais.

Indico um site que traz passo-a-passo as diversas técnicas

https://www.thebeadman.com/free-instructions.

Duas feras na área:

@chainmaille_bim

www.julialowther.com

Existem vários livros de técnicas de malha e fios (chainmaile) para criar joias com um visual totalmente novo! Os designers aprenderão primeiro como moldar motivos de arame em diamantes, ovais, torções e muito mais. Essas formas de arame servem como elos decorativos, conectando as tradicionais malhas de malha.

As joias resultantes são glamorosas e fáceis de usar em todas as ocasiões. Os mais de 25 projetos elegantes incluem colares, pingentes e pulseiras. As instruções são divididas passo a passo com fotos e ilustrações do processo. Qualquer pessoa que goste de argolas e fios poderá pegar este livro e fazer os projetos com sucesso.

A marca francesa @linkki_jewels estará presente na Bijorhca, no Espace Jeunes Créateurs (jovens criadores) com uma coleção toda em chainmaile sendo feita com 70% de prata reciclada.

Dá uma olhada no design incrível e super atual. Tenho certeza que vai te inspirar

Escrito por

Vera Pessoa

Bijuterias e joias se tornaram uma forma para a expressão do estilo pessoal.
Entender quem é o seu cliente é a chave para o sucesso de seu negócio.
Nosso trabalho é ajudar você a entender como as tendências e as inovações tecnológicas influenciam o seu negócio de Bijuteria & Joia. Continue nos prestigiando, @v.pessoastudio